Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 41
Busca::..
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Investimentos
19/09/2013 11h32

 Investimentos

 

Especializada em tratamento de superfície, a Prosdac aposta em ampliação com diversificação 

 

Os investimentos visam a expansão fabril nacional, sobretudo na indústria automotiva 

 

 

Sediada em Jundiaí, SP, dentro de um condomínio empresarial – com uma planta industrial nova, assim como as vizinhas Audi, Sara Lee Corporation, além da fabricante de pentes de rosca Wafios – a Prosdac Revestimentos Técnicos Ltda. está expandindo e inovando sua produção com investimentos na ordem de R$ 700 mil, só em 2012.

Em maio deste ano, ela deu um importante passo na direção do expansionismo industrial, principalmente no setor automotivo nacional, que é hoje o 5º em produtor mundial.

A novidade divulgada é, principalmente, a implantação de uma novíssima centrífuga com tombamento 90° e forno contínuo desenvolvido para aplicação de tecnologia à base de solvente, com temperatura de cura de até 240°C. Esse equipamento destina-se também a processos recém-implantados com base na nanotecnologia.

“Somos tradicionais na aplicação de revestimentos anticorrosivos e organometálicas. Nossa capacidade instalada para revestimento é de 1,2 mil toneladas/mês. A diversificação de nossos equipamentos – um para cada tecnologia, seja a base de água ou de solvente– nos dá agilidade incomparável em atendimento. Nossa expectativa inicial com esses investimentos é de umaumento de 100 toneladas/mês. Dentre os investimentos realizados temos automatização do pré-tratamento, incluindo lavagem e jateamento, o que gera uma vantagem competitiva, sobretudo em custos, ‘uma música para os ouvidos dos clientes’”, concluiu, bem humorado, o diretor Ricardo Picolli.

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com