Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 78
Busca::..
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Notas
30/11/2019 08h36

 Notas

Edição 2020 da feira do setor de fixadores em Taiwan é lançada pelo Taitra, em SP

Em encontro realizado dia 24/10/19, na capital paulistana, o Taiwan Trade Center (Taitra) reuniu, em um café da manhã, empresários brasileiros numa ação promocional do Taiwan International Fastener Show, sua feira para a indústria e comércio de parafusos e afins. Este evento será realizado na cidade taiwanesa de Kaohsiung, sul de Taiwan, marcado para os dias 21 a 23 de abril de 2020. O encontro teve abertura com a fala da diretora do Taitra, Rachel Lu, e o diretor do Escritório Econômico e 
Cultural de Taipei (Brasília) Chang Tsung Che. James Liao, do Taitra, fez uma apresentação exibindo aspectos sociais e econômico de Taiwan, um resumo sobre o quanto são importante parafusos e o quanto o setor de seu país pode oferecer aos empresários brasileiros.  O evento foi encerrado com o testemunho de Sergio Milatias (Revista do Parafuso) e Roberto Farina (Inox-Par). Ambos falaram de suas boas experiências neste evento e no trato com empresas e profissionais que lá conheceram.
 
Wi-Fi em planta industrial ajuda Termomecanica a avançar na direção da Indústria 4.0
 
Em mais uma iniciativa visando alcançar o status de Indústria 4.0, a Termomecanica está finalizando a fase piloto de implementação de um sistema integrado de comunicação dos seus equipamentos, que permite coletar e analisar dados históricos e em tempo real. O objetivo é antecipar problemas e agir de maneira preditiva, impactando diretamente o aumento de produtividade da fábrica e facilitando a gestão. Programado para ocorrer em duas fases, esta primeira etapa contempla a aplicação de um sistema empregando tecnologia Wi-Fi, que cobrirá inicialmente o setor de fundição, mas especificamente os fornos da linha de chapas, de uma de suas unidades fabris em São Bernardo do Campo. Já na próxima etapa, plane
jada para começar em 2020, serão incorporados nessa infraestrutura outros equipamentos do setor de fundição utilizados em diferentes processos produtivos. A Termomecanica é líder no setor de transformação de Cobre e suas ligas, em produtos semielaborados e acabados. "Este projeto está totalmente alinhado à aplicação do conceito Indústria 4.0, hoje uma das prioridades na Termomecanica. É preciso frisar que essa transformação exige foco por igual em pessoas, processos e tecnologia, sem que um ou outro se sobressaia. Entendemos também que inteligência e automação precisam estar embutidas em todos os processos e as decisões baseadas em algoritmos", ressalta Walter Sanches, superintendente de tecnologia.
 
Assahi lança transmissor geoposicionador para células de montagens 
 
Revenda e manutenção de máquinas e ferramentas manuais, elétricas e pneumáticas para linhas de montagem e transformação, a Assahi lança sistema geoposicionador que guia e controla operações em montagens industriais. O equipamento que conhecemos, em try-out, está instalado na AGCOPOWER dentro da planta AGCO (em Mogi das Cruzes, SP), fabricante de máquinas agrícolas, na linha de montagem de motores. O conjunto ali em operação consiste em dois transmissores, um aplicado na apertadeira e outro no operador em um processo de montagem de um motor, ambos linkados a um PC. Sabendo-se que aplicação de fi xadores em montagens de motores devem seguir uma sequência, o sistema dispõe de um software que guia cada aperto 
em seu respectivo ponto, travando se ocorrer algum desvio da ordem por parte do operador. Tudo fi ca registrado no histórico do motor. assahivendas@assahimaquinas.com.br 
 
Growermetal mantém-se presente na Mercopar
 
Feira anual de inovação industrial, realizada no “Centro de Eventos da Festa da Uva”, na cidade de Caxias do Sul, RS, a Mercopar teve sua edição 28ª com ocupação e movimentação ligeiramente superior a 2018. Realizada entre 1 e 3/10/19, a feira teve entre os participantes a Caillau, marca francesa fabricante de abraçadeiras, clips e conectores de engates rápidos, produtos confeccionados em aço inox, com homologações pela Airbus e IATF. Caillau sempre participa em parceria com a italiana Growermetal, indústria arruelas e similares itens de fixação, incluindo peças para aplicações críticas, tal como o setor automotivo e ferroviário. O setor auto
motivo representa 70% da operação Growermetal, com quase 90% na Caillau. “Este ano está bem mais movimentado, mas como a entrevista ocorre no começo da feira, ainda é cedo para comemorar. Esperamos sair daqui com, pelo menos, os mesmos 5% e 6% de 2018”, comentou Eugênio Baranzini, diretor.
 
Lyon: anfitriã da Conferência EIFI - 2019 
 
Capital da culinária francesa e local onde os irmãos Auguste e Louis Lumière inventaram o cinema, no final de 1800, a cidade de Lyon recebeu entre 16 e 19/05/19 a Conferência EIFI European Industrial Fastener Institute. Em seu primeiro dia, o evento ficou marcado pelo jantar de boas-vindas, no Hotel Novotel Part Dieu, onde proprietários e executivos das mais importantes indústrias de fixadores da Europa, convidados e associados EIFI desfrutaram de um primoroso. O dia seguinte foi dedicado a encontros e palestras, que contou com a presença de presidentes de diferentes associações do setor em todo o mundo, tal como Volker Lederer, da European Fastener Distributors Association (EFDA); Preston Boyd, ex-presidente da IFI (Industrial Fasteners Institute - EUA); Rob Pietersma, Safma (South African Fastener Manufacturers Association), Jim Chen, TFTA (Taiwan Fastener Trading Association), que esteve acompanhado por Ivan Lin, presidente do Comitê Internacional da TFTA. Todos eles fizeram apresentações interessantes sobre seus mercados. Associação francesa da indústria de mecatrônica, a Artema, organisadora da conferência, trouxe dois palestrantes externos: Marc Gohlke, CEO da Cara (grupo europeu de estudos para soluções de mobilidade) e Denis Ferrand, CEO da Rexecode (instituto privado de estudos econômicos), ambos da França. Na fala sobre a indústria automotiva, Gohlke fez uma interessante abordagem sobre o impacto dos regulamentos no setor automotivo europeu. Por sua vez, Ferrand apresentou um excelente relatório sobre a situação econômica global. Tradicionalmente na conferência, associados EIFI são  chamados ao palco para conversar. Presidente do Automotive Group, Paolo Pozzi levou uma panorâmica do cenário econômico global, analisando em detalhes a tendência da indústria automotiva, indicando como as vendas mundiais de automóveis ca
íram significativamente no primeiro trimestre de 2019, em comparação ao mesmo período em 2018: China -11,3%, Europa -3,3%, Coréia -3%, EUA -2,5%, Japão -0,9%). Exceção, Brasil subiu 10,4%. Stefan Beyer, diretor do Comitê Executivo, atualizou os presentes sobre as várias atividades realizadas por seu Comitê, em 2018, detalhadando recentes estatísticas globais e específicas para a indústria europeia. Presidente do EIFI General Fasteners Group, Ramon Ceravall falou sobre o desempenho do setor de construção global (particularmente na Europa), que deve crescer até 2022, liderado pelo Sudeste Asiático, Oriente Médio, EUA e África. Durante o jantar de gala, no restaurante “Cour des Loges”, o presidente Anders Karlsson e os vice-presidentes Enio Fontana e Tillman Fuchs entregaram o prêmio Robert Dicke para Sergio Pirovano, presidente da Upiveb, associação italiana do setor. No sábado, 18 de maio, passei visitando a bela região francesa de Beaujolais e, em particular, as aldeias de Oingt, Theize e Bagnoles, famosas por sua produção de vinhos e pedras douradas.
 
Faleceu Joe Greenslade, ex-diretor de tecnologia de engenharia do Industrial Fasteners Institute - IFI (EUA)
 
Membro desde 1994 da American Society for Testing and Materials (ASTM), Joe Greenslade atuou em diversas subcomissões da ASTM F16, bem como na Committee B08, referente a revestimentos metálicos inorgânicos. No Industrial Fasteners Institute (IFI) ele assumiu seu último posto em 2007, tendo presidido anteriormente a Greenslade & Co. Inc., empresa do Texas, especializada em designer de fixadores mecânicos, produção, aplicação e qualidade, detentora de 13 patentes nos EUA. Atualmente, Joe era membro da American Society of Mechanical Engineers, da International Organization for Standardization (ISO), do Research Council on Structural Connections e do SAE International. Em 2016, ele recebeu o prêmio IFI Soaring Eagle Service Award por sua excelente liderança e contribuições para a indústria de fixadores, mesmo ano em que recebeu o prêmio Fred F. Weingruber do Comitê Internacional AS16 F16, de Fixadores, por suas contribuições extraordinárias ao desenvolvimento dos padrões de fixadores ASTM. Na ASTM desde 1994, Joe trabalhou em vários subcomitês F16, bem como nos Comitês A01 e B08. Fora da ASTM, ele era membro dos Comitês ASME B1 e B18, Comitê ISO TC2, Conselho de Pesquisa em Conexões Estruturais e Comitês de Fixação SAE. Escreveu mais de 200 artigos em periódicos comerciais, foi membro da Força-Tarefa de Direito Público da Lei de Qualidade de Fixadores dos EUA e da Força-Tarefa de Conformidade de Roscas de Rosca para a revisão do design de roscas aeroespaciais e práticas de medição de roscas para a Administração Federal de Aviação dos EUA e o Departamento de Defesa. Ele também era membro do conselho da A2LA. Também era membro do NIFS Hall of Fame. A "aposentadoria" de Joe incluía a leitura com os alunos da Lily B. Clayton Elementary School, orientando 
os alunos da R. Pascal High School como um membro ativo do programa AVID. Ele criou a Fundação Pascal Enrichment e o programa Panthers Heroes. Era membro do Conselho Consultivo de Fort Worth ISD. Ele fazia parte do conselho dos Serviços para crianças e famílias da ACH, onde orientava jovens adultos que haviam saído de um orfanato sem um sistema de apoio comunitário. Também foi membro fundador do Harmony Spiritual Center de Fort Worth. Apaixonado, bobo, amável, se esforçava todos os dias para fazer algo para tornar o mundo um pouco melhor do que era no dia anterior. Foi um marido, um pai, um avô, um amigo e um mentor. Amado por muitos. "Joe Greenslade era uma pessoa atenciosa, generosa, criativa e dinâmica. O mundo se tornou um pouco melhor para a sua existência." Joe escreveu o epitáfio, acima, em 13 de outubro de 1982 em uma lista de "objetivos de vida". Como sempre, estabeleceu uma meta para si e depois a cumpriu. O mundo é um lugar melhor por ter Joe Greenslade nele e um lugar mais pobre por sua perda. Joe deixa sua esposa Lillian (Hale) Greenslade, com quem ele foi casado por 27 anos; seu filho Joseph Greenslade e esposa Valerie; as netas Moira, Caitlin e Bridget; sua filha Heather Greenslade; netos Oliver e Walter Hanshaw; enteada Stephanie Hernandez e marido Robert; neta Maddison; netos Alex e Jake; a enteada Jennifer Vance e o marido Jeff; netos Allan, Joseph e Austin; e muitos, muitos amigos íntimos. Em vez de flores, a família pediu que sejam feitas doações para o projeto de Joe na Paschal High School (www.paschalpantherhero.org). Joe e Lillian Greenslade, quando ele recebeu o IFI Soaring Eagle Service Award, 2016
Texto, emocionante, enviado por seu amigo Salim Brahimi. sbrahimi@indfast.org 
 
Em vigor a nova norma ABNT: Ferramentas para montagem de parafusos e porcas - Torquímetros manuais
 
Sob o código ABNT NBR ISO 6789-1:2019, desde 03 de outubro último a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) disponibilizou a nova norma, que na Parte 1 descreve requisitos e métodos de ensaio para avaliação da conformidade do projeto e da conformidade da qualidade: requisitos mínimos para certificados de conformidade. O documento especifica os requisitos de ensaio de conformidade e de marcação para torquímetros manuais utilizados para aperto controlado de parafusos e porcas. Também especifica os requisitos mínimos para a declaração de conformidade. Para adquirir: www.abntcatalogo.com.br/norma.aspx?ID=426961 Preço: R$ 118,50 (23 páginas)
 
Certificação ISO 9001 na Metalúrgica Movimento 
 
Sediada na zona leste da cidade de São Paulo, SP, com equipe de vinte pessoas e um ano de atividades na fabricação de parafusos, porcas, barras roscadas, prisioneiros, estojos, a Metalúrgica Movimento Ltda. já está certificada ISO 9001:2015. Administrador da empresa, Rodrigo Dal Médico disse que a atuação envolve o fornecimento para indústrias em geral, com capacidade para atender pedidos a partir de 8 mm de diâmetro, sendo que eles já produziram prisioneiros de 110 mm. Atualmente a MM tem muito de seu fornecimento no setor agrícola e em empresas de energia hidrelétrica. Mas, obviamente, há muito a se explorar, mas já é um bom começo. 
 
 
 
 
 
 
CONTEÚDO DA EDIÇÃO
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com