Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 17
Busca::..
Edição 83
Edição 82
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Balcão
30/08/2009 02h25

De São Paulo para o Paraná

Manoel Rodrigues da Silva deu os primeiros passos como comerciante de elementos de fixação e ferramentas em São Paulo, SP; mas foi em Curitiba, PR, que firmou raízes e os negócios prosperaram





A história da MHF do Paraná Parafusos e Ferramentas Ltda começou em 1963, quando o proprietário Manoel Domingues da Silva, juntamente com mais dois sócios, abriu uma loja de parafusos na capital de São Paulo, no bairro do Itaim Bibi. Em julho de 1974, inauguram a MHF do Paraná em Curitiba, em uma pequena loja no centro da cidade. Segundo ele, com o passar dos anos, o crescimento foi a contento e surgiu a necessidade de um espaço maior para aumentar o estoque, clientes e vendas. Em 1998, Silva assumiu o controle total da empresa com o intuito de melhorar ainda mais os serviços prestados, bem como o faturamento. “Com esse processo de desenvolvimento comercial, atingimos um bom conceito empresarial no setor que atuamos”, disse.

No início das atividades, os principais produtos comercializados eram parafusos, porcas, arruelas, rebites e afins. A MHF do Paraná está instalada no bairro do Boqueirão, em um terreno de 2.400 metros2, com 740 m2 de área construída, e revende aproximadamente 4.500 itens, oferecendo marcas como Ciser, Mitto, Metalac, Belenus, Tramontina, Irwin, Bosch, Gedore, Starrett, Norton, Carbografite, entre outras.


Manoel Domingues da Silva é o proprietário da MHF do Paraná

A firma possui uma gama variada de consumidores, com média diária de 300 clientes atendidos no balcão e televendas. Para isso, a MHF do Paraná conta com 22 colaboradores, prateleiras para exposição e amplo estacionamento. “Nos últimos cinco anos, tivemos muitas mudanças em nosso perfil, principalmente na variedade de novos clientes e fornecedores. Hoje, temos um mercado mais exigente, que procura qualidade com mais realismo, segurança e o cumprimentos de prazos de entregas”, contou Silva. No período de 2007 para 2008, o comércio cresceu 26% e para 2009, os números demonstram atingir os 5%. “O mercado de elementos de fixação é consciente, promissor, com momentos altos e baixos, mas sempre com expectativas de crescimento”, encerrou o proprietário.

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com