Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 79
Busca::..
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Notas
18/02/2020 04h11

Notas

Um musical no 50º dezembro da Jomarca

Ricardo S. Castelhano, Ricardo M. Castelhano, José Perdigão e João M. Castelhano

O dia 5 de dezembro de 2019 marcou o aniversário de João Marques Castelhano e, oficialmente, a data de fundação da indústria de parafusos Jomarca, empresa por ele fundada em 1969. A data foi comemorada com a presença de familiares, funcionários e amigos em um almoço que contou, em especial, com José Perdigão, diretor da Comfix Componentes de Fixação, que roubou a cena.

Ao final, Perdigão homenageou João trazendo um trio musical, imperdível. Ao lado de seu neto Ricardinho e Ri- cardo M. Castelhano (filho) o patriarca foi da felicidade às lágrimas ao som de diversas músicas brasileiras e algumas portuguesas, com Roberto Leal. É claro que “Emoções”, de Roberto e Erasmo Carlos não poderia faltar, especialmente “nesse momento lindo”.

  Equipe ParafusoPar na São Silvestre 2019 e na Corrida de Reis 2020

Corrida de São Silvestre, S. Paulo, SP e Corrida de Reis, S. Caetano do Sul, SP

A mais festiva corrida de ruas do Brasil, a Corrida Internacional de São Silvestre dispensa apresentação, evento realizado no encerrar do ano, no dia 31 de dezembro, pelas congestionadas ruas da capital paulistana. Só para não perder o hábito, o congestionamento de carros abre espaço, temporariamente, para o congestionado de gente, composto de uma minoria de atletas profissionais e uma multidão de amadores, repleto de cores, muita disposição, suor e uma alegria imensa, digna de um mega bloco de carnaval. Nesse cenário impar, não poderiam faltar parafuseiros, cabendo a revenda paulistana ParafusoPar peregrinar pelos 15 km da prova com seu diretor Roberto Piva e convidados que compõem a equipe, incluindo o editor da Revista do Parafuso, Sergio Milatias. Ambos também estiveram na 43ª Prova de Reis, de 10 km, possivelmente a primeira corrida do ano, realizada em 12/01/2020, em São Caetano do Sul, cidade vizinha da capital.

  Taitra recebe convidados em almoço de final de ano

Chiang Chih Wei, Fernando Song, Cláudia You, Luciana Ie, James Liao e Rachel Lu (Taitra), Paulo José (Associação da Brasileira da Internet das Coisas) e Sergio Milatias (Revista do Parafuso) 

Em 18 de dezembro de 2019 o Taiwan Trade Center – Taitra recebeu dirigentes de associações da indústria e comércio para um almoço de encerramento do ano. Entidade ativa nas tarefas de promoção do intercâmbio entre Brasil e Taiwan, o Taitra tem como uma de suas principais metas a feira do setor de fixadores a ser realizado e abril próximo, umas das mais importantes no mercado internacional.  

Expo-Wafios: Open House e Apresentação de Tecnologias  

Em novembro de 2019 a Wafios do Brasil realizou a 4ª edição de sua “feira interna”, a Expo- Wafios, ocorrida em três dias, das 9 às 17:00, em sua sede na região de Santo Amaro, no município de São Paulo, SP.

No evento foram expostas máquinas para processamentos de arames e tubos, tal como corte, dobra e curvamento. Além disso, a empresa expôs sua tecnologia para produção de pentes para laminação de rosca e máquinas para produção seriada de molas de compressão.

“Aqui podemos receber e atender melhor nossa clientela, expor maior número de opções, a custos bem menores do que em feiras convencionais”, disse Frank Fassnacht, diretor da unidade brasileira. “Esse evento não é regular, mas pode vir a ser, pois, nossos clientes estão pedindo outra edição, o que pode nos levar a uma nova já em 2020. Nesses dias recebemos cerca de 100 pessoas de 60 empresas, e prevemos vender todas as máquinas aqui expostas”, concluiu.

Entre os destaques estava um lançamento mundial, a Wafios Ful 16, capaz de confeccionar até 1500 micro molas por minuto, com até 0,8 mm de diâmetro de arame  

Treinamento em forjamento 52ª edição
 
  Tecnologia e desenvolvimento do processo
  de forjamento, de 14 a 15 de maio de 2020, em Porto Alegre, RS
 
Promovido pela Fundação Luiz Englert (FLE) e Centro Brasileiro de Conformação Mecânica (CBCM), esse treinamento busca apresentar os princípios básicos dos processos de fabricação por conformação mecânica com o foco em forjamento. Nele, é dado ênfase na importância das variáveis técnicas dos processos, análise e avaliação da forjabilidade. Também serão apresentadas importantes informações para projetos de forjados, envolvendo matéria-prima e processos. Haverá abordagem de temas relacionados ao forjamento em matriz fechada com rebarba e de precisão (quente, morno, semi-quente e frio), bem como exposição de experimentos práticos. Uma especial atenção será dada para os aspectos de
inovação no processo de forjamento, além da apresentação dos fundamentos para a indústria de forjados quebrarem o paradigma de que deve ser ela a indicar para a indústria da mobilidade como fabricar peças mais leves e de menores custos.
 
Ministrado pelo professor e doutor Lírio Schaeffer e o doutor Alberto Brito, o público-alvo são engenheiros e técnicos de indústrias (diretores, projetistas e de áreas operacionais), estudantes, de graduação e pós-graduação das áreas de mecânica, metalurgia e materiais.
 
Informações: 55 51 3308.6134
Local do Treinamento: Prédio do Centro de Tecnologia da UFRGS, Av. Bento Gonçalves, 9500 setor 6 – Campus do Vale Bairro Agronomia - 91501-970, Porto Alegre, RS.
 
Zoogestão: Administrar é o Bicho
 
O recente Dia Nacional do Livro, 29/10/19, marcou o lançamento do livro "Zoogestão: Administrar é o Bicho" (editado e impresso pela Compacta Gráfica e Editora, de São Carlos, SP), de autoria da Prof.ª Dra. Ana Teresa Colenci Trevelin e Prof. Dr. Alfredo Colenci Jr. O evento foi realizado na cidade de São Carlos, SP, na biblioteca unidade local Fatec (Faculdade de Tecnologia).
 
Segundo os autores “este trabalho procura estabelecer uma correção entre a Administração, o comportamento humano com os animais e aquilo que se depreendeu da convivência do ser humano com os animais. O acelerado desenvolvimento do conhecimento, materializado em inovações,
tem promovido sensíveis melhorias nas condições de vida ao mesmo tempo em que passa a representar intensas ameaças à segurança e mesmo à sua própria sobrevivência, enquanto espécie. Zoogestão é um convite à descoberta de como os animais podem auxiliar o homem através do exemplo a interagir com o mundo”.
 
Ana Teresa Colenci Trevelin
Professora associada com dedicação exclusiva do Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza. Ela possui diversas graduações, entre elas Pedagogia pela Universidade Federal de São Carlos (1997) e doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade de São Paulo (2007).
 
Alfredo Colenci Jr.
Dono de uma longa e relevante história no setor de parafusos, tendo ocupado entre 1967 a 1987 a gerência de engenharia da Metalac, além de ser pioneiro na Educação Superior Tecnológica e autor de artigos publicados nesta Revista do Parafuso.
 
Fixpar, de Caxias do Sul, RS
 
  Jovem empresa expandiu mesmo no período recessivo, o que facilitou abertura em novos clientes

 

 
Aos 14 anos de idade, 1996, Arcenil T. Nunes Jr. iniciou a vida profissional em revenda de fixadores, passando por empresas renomadas como Macrosul, Fusopar, Belenus e a Colar. Esta última decidiu não mais operar numa modalidade de fornecimento, o que levou Júnior, como ele prefere ser chamado, a se empenhar em honrar compromissos já assumidos com a carteira que atendia, criando sua própria empresa, a SGQ Parafusos, em 2012, inicialmente atendendo só no sul do Brasil, a partir de sua base, na cidade de Caxias do Sul, RS.
 
Sigla alusiva a “Sistema de Gestão da Qualidade”, a SGQ brotou para lidar com parafusos e, principalmente, fornecê-los agregado a serviços. Desde então a empresa vem se expandindo rapidamente no fornecimento de kits para diversos perfis de indústrias, sobretudo onde há forte demanda para itens de M3 a M5, muito usados em linha branca.
 
“Desde 2013 adotamos o nome fantasia FixPar, como parte do Grupo SGQ. Hoje dispomos de uma equipe de 50 colaboradores na linha de kits e revenda e gestão de estoques (Kanban), mais cinco operando em nossa fábrica de parafusos, que produz itens que complementem nossas linhas. Em operação desde março de 2019, nossa fábrica produz parafusos de M2 a M8, nossa capacidade produtiva é de 30 tonelada/mês, mas estamos prestes a elevar a produção para bitolas M12 a M16, além de obter a certificação ISO 9001”, disse Jr.
 
Sobre expansão para outras praças, a verdade eles já atendem muito em Santa Catarina, Paraná, São Paulo e até Manaus e Nordeste. Segundo o empresário, ainda há muito campo a ser bem trabalhado no sul, algo que ele considera ampliar cada vez mais porque seu modelo de negócio alivia e muito a gestão do cliente envolvendo compra e estoque. Ele diz que muitas empresas passaram a dar maior atenção ao seu modo de operação justamente na crise, por buscarem aliviar custos, o que lhes abriu muitas portas.
 
“Não vejo horizonte para sobreviver só vendendo parafusos. Nosso negócio está no serviço. Ao abordar o cliente, rapidamente demonstramos que apesar dele comprar bem, a desvantagem pesa sobre sua gestão. Sugerimos a implantação de um Kanban, fornecemos desde as prateleiras, caixas, o motorista Fixpar passa regularmente para reabastecer, o que rapidamente começa a apresentar vantagens ao cliente final”.
 
Multi opções em barras roscadas
 
 
 
Fundador e diretor, Edilyn Cardoso relata que em 2009 a empresa já atuava, mas como revenda, redirecionando- se para a condição de indústria e adotando o nome atual desde 2015. Pouco antes, em 2011, Cardoso buscou desenvolver novos fornecedores estrangeiros, na China, e alcançar maior diversificação em barras roscadas e trefiladas, mesmo sem dominar outros
idiomas e sequer conhecer o exterior. 
 
Desde então, a revenda ganhou mercado, tendo um bom portfolio de barras e, também, com outras opções em parafusos, ampliando sua clientela em nível nacional. Essas linhas importadas chegaram a 20 containers por mês, mas com a alta do dólar em 2014, em diante, Cardoso decidiu implantar uma produção própria, e enfrentar o desafio de fabricar, pela primeira vez.
 
"Além da produção de barras roscadas e trefiladas, com a cobertura polida, zincada ou bicromatizada, também produzimos arame BTC e vários tipos de parafuso, como chipboard, telheiro, lentilha (com trava e sem trava), atarraxante, haste para telha, entre outros que podem ser desenvolvidos junto à nossa área de engenharia” disse Cardoso, complementando: “Nossos principais clientes são atacadistas de ferragens e materiais de construção em todo o Brasil. Vale considerar que o norte e nordeste são mercados promissores, onde queremos aumentar o número de representantes. Hoje, entregamos o melhor em preço e qualidade, isso ampliou muito nossa carteira de clientes. Vamos além, pois, em breve produziremos parafusos telheiros e lentilha”.
   
Norlam abre 2020 com Certificação ISO 9001:2015
 
Indústria de máquinas e ferramentas para laminação de rosca e perfis, a Norlam mantém-se firme em sua trajetória de desenvolvimento, algo que se confirma nesse começo de ano com a certificação ISO 9001:2015.
 
Desde sua primeira aparição nas páginas desta publicação, em plena recessão 2015, a empresa tem demonstrado disciplina e determinação, consolidando sua marca em nível nacional, dia-a-dia.
 
Além da linha de fabricação - na planta industrial Norlam em Diadema, SP - ali também são feitas recuperação de ferramentas, reformas de laminadoras, automação,adequação para normas, como a NR12.
 
 
COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com