Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 79
Busca::..
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Entrevista
18/02/2020 03h31

Entrevista

Friedrich-Georg Kehrer, da Messe Düsseldorf GmbH

Executivo anúnciou uma cadeia de valor completa nos pavilhões 16 e 17, dedicados a fixadores e molas, como novidade na Wire Düsseldorf 2020

Diretor global de portfólio para metais e tecnologias de fluxo, da Messe Düsseldorf GmbH, o entrevistado – pela equipe alemã de assessoria de imprensa 2020 – trabalha com um grande time em mais de 30 feiras de negócios envolvidas com o setor de processamento e fabricação de itens metálicos, tal como tubos (tube), fios, cabos e arames (wire) em geral. Incluem-se entre essas feiras a Wire South América (Brasil) e a dupla Wire & Tube Düsseldorf (Alemanha). Na Wire estarão, também, a nata global das indústrias de máquinas, ferramentas, equipamentos e serviços da mais alta tecnologia para produção de fixadores, molas, autopeças e itens especiais a partir de arames e barras como matéria-prima. (Na foto - Friedrich-Georg Kehrer)

Estar neste evento pode ser considerado uma “obrigação” para qualquer industrial que se propõem a produzir parafusos e similares em sintonia com as demandas do Século XXI. Boa leitura!

Entre 30/03 e 03/04/20 as principais feiras mundiais do segmento de tubos, fios e arames (Wire & Tube) abrirão suas mais importantes portas, em Düsseldorf. O que haverá de novo?

Há novidades a destacarmos nas duas feiras e no próprio Centro de Exposições de Düsseldorf. Poderemos acompanhar os bons resultados pelos registros obtidos nas edições anteriores, tal como 2018 que teve 2.600 expositores de 65 países, distribuídos entre 16 pavilhões (halls), alcançando mais de 120.000 m².

• Teremos duas estreias e novas campanhas em 2020: Os halls 16 e 17 terão uma cadeia de valor completa para fixadores e molas. Além de máquinas, ferramental e equipamentos, haverá produtos acabados na forma de fixadores, conectores e molas. Wire será a nova plataforma de informações e de pedidos para produtores, comerciantes e compradores de fixadores para construção e demais artefatos de uso em montagens, bem como todos os tipos de molas e peças em arames dobrados.

• Pela primeira vez realizaremos a Campanha eco- Metals, em larga escala. Expositores engajados com sistemas de produção que economizam energia e elevam a efi ciência de materiais e recursos – além do uso de energias renováveis compatíveis com o clima, ou controle de energia – poderão participar da campanha. No caso, seus estandes serão etiquetados com um adesivo correspondente, que serão destacados pelo acompanhamento da imprensa e por medidas de marketing, podendo se tornar parte das trilhas diárias da ecoMetals. Isso permitirá a esses expositores a oportunidade expor detalhes sobre suas ações. Já os visitantes interessados podem se informa e se inscrever on-line para participar de uma das trilhas eco- Metals. Participantes no local também serão bem-vindos, é claro. O ponto de encontro é o balcão de informações da ecoMetals na entrada "Nord".

• Um palco para start-ups (empresas iniciantes): Como as novas gerações de empreendedores impactará decisivamente o futuro dessas indústrias, essas jovens empresas têm a oportunidade de apresentar seus produtos e serviços. Eles poderão se expor em um hall organizado pelo Ministério Federal de Economia e Energia, da Alemanha. As taxas desses estandes serão parcialmente fi nanciadas pelo Ministério.

• Em junho de 2021 realizaremos uma feira de tecnologias de cortes por serra e meios alternativos, intitulada Saw EXPO, na cidade de Friedrichshafen, ao sul da Alemanha, lar de muitas empresas desse tipo de manufatura. Planejamos esse evento a cada dois anos, alternando com a Wire e Tube. Saw EXPO poderá crescer muito, além do mais, seus temas complementam perfeitamente nosso portfólio internacional de Metais e Tecnologias de Fluxo. Na Wire e Tube Düsseldorf, os expositores de serras e tecnologias alternativas de separação terão destaque, acompanhando o contato com a imprensa e um design especial do estande.

• Estreia do hall 1, dedicado a expositores de tubos dos segmentos de produção, de acessórios para aplicação em tubos, bem como no seu comércio. Ele terá comprimento de 158 x 77 de largura, acumulando mais de 12.000 m² de área útil. Em termos técnicos, hall 1 cumpre os altos padrões de todo o centro de exposições, podendo ser acessado através de sete portões, sendo possíveis suspensões no teto, assim como o fornecimento de estandes com energia, água e ar comprimido a partir do piso. Para os visitantes, o salão está Friedrich-Georg Kehrer info@messe-duesseldorf.de conectado ao Centro de Congressos de Düsseldorf (CCD Süd) através de uma passarela no 1º andar. Além do acesso aos halls 3 e 4, há uma passagem direta da entrada sul para o restante do centro de exposições.

Como as indústrias se desenvolveram? Quais inovações os expositores apresentarão?

Os expositores Wire e Tube apresentam seus destaques tecnológicos a um público comercial internacional, sendo, portanto, eventos obrigatórios para todos do setor. Ambas podem ser consideradas pioneiras, especialmente nesses tempos de incertezas causada por tensões comerciais EUA x China e Europa x Reino Unido, devido ao Brexit.

De acordo com a "Deutsche Wirtschaftsvereinigung Stahlrohre", a indústria de energia, o setor automotivo e a engenharia mecânica continuam “dando as cartas”, sendo os principais usuários, tal como antes. Portanto, os desafios também são altos para seus respectivos players: a imprevisibilidade econômica após as tendências protecionistas vem sobrecarregando a indústria, de acordo com a Eisendraht- und Stahldraht-Vereinigung, a Associação de Ferro e Aço, da Alemanha.

No entanto, mais demanda por wires e tubes é a consequência positiva dessas mudanças, constantes e rápidas, e que afetam a mobilidade. As demandas feitas à indústria em termos de inovações e flexibilidade só aumentam; novas tecnologias de direção, mobilidade autônoma e/ou eletrônica determinam o pensamento e as decisões tomadas nas salas de reuniões. A demanda também é impulsionada por mais e mais inteligência artificial em veículos e nos crescentes requisitos de multimídia dos usuários.

O que o Wire 2020 tem a oferecer?

Ela abrangerá um amplo espectro que variam de máquinas e equipamentos para fabricação de fios, cabos e arames, processamento e acabamento, tecnologias para fazer molas e elementos de fixação, materiais auxiliares e ferramentas de tecnologia de processos, até de fibra de vidro.

O uso de fibra de vidro é um tema de crescente importância, porque os links de fibra ótica de alta velocidade estão se expandindo em todo o mundo. Além disso, os mais recentes desenvolvimentos nas áreas de engenharia de teste e áreas especializadas estarão em exibição. Os expositores fornecem informações sobre tendências em tecnologia de medição e controle. Além disso, materiais e cabos especiais estarão em foco.

O que a Tube oferecerá?

Ela cobrirá todo o espectro da indústria na fabricação e acabamento de tubos, ao processamento e comércio de tubos. As linhas da Tube atendem a todos os aspectos cruciais desse setor, tal como perfis e máquinas, engenharia de teste e áreas especializadas, máquinas para fabricação, além de máquinas usadas. Tão indispensável para o setor é a tecnologia de medição e controle, bem como matérias- -primas. A Tube também aborda o comércio de tubos feitos de metais FE, NF, plásticos, fibra de vidro, vidro, cerâmica, concreto e fibrocimento. Além disso, ferramentas e auxiliares de tecnologia de processo estarão em exibição.

Quais os países de origem dos expositores de ambos eventos?

Os expositores europeus emanam, principalmente, da Alemanha, Áustria, Bélgica, Espanha, França, Holanda, Grã-Bretanha, Itália, Polônia, Suécia, Suíça e Turquia. Os demais vêm da China, Coréia do Sul, EUA, Índia e Taiwan. São esperados cerca de 70.000 visitantes, com a maioria dos convidados de países de fortes níveis de compras e produção, vindos do Brasil, Índia, Rússia e dos demais países já citados acima.

Friedrich-Georg Kehrer

 

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com