Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 66
Busca::..
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Eventos Senafor
17/12/2017 11h30

    Senafor 2017: palestras e exposições sobre forjamento e mais tempo para networking

 
A sede do evento foi o Centro de Convenções do Hotel Continental, com uma vista para o rio Guaíba que adornou esta edição
 
   
   Suzanne Starke (Zwez), Stephan Hojda (IBF - RWTH Aachen, Alemanha) e Lírio Schaeffer, com o rio Guaíba ao fundo
 

  Em novembro de 2008 a edição RP12 desta Revista do Parafuso publicou pela primeira vez a cobertura do Senafor (veja em www.revistadoparafuso.com), evento internacional dedicado às tecnologias que envolvem o forjamento industrial, que é realizado na capital do Rio Grande do Sul, Porto Alegre. Portanto, esta ponte aérea SP - RS está completando 10 anos.

  O nascimento do Senafor se deu pelo forjamento, modalidade composta atualmente por 17 palestras de 20 minutos cada, tempo igual para os demais encontros que se sucederam ao longo dessas quase quatro décadas. Nessa segmentação se encontram a Conferência de Conformação de Chapas (18 palestras), a Conferência Internacional de Materiais e Processos para Energias Renováveis (17 palestras) e a Conferência Internacional em Engenharia de Superfícies na Conformação de Materiais (16 palestras).

  Os intervalos das palestras são a oportunidade de fazer networking, de tomar contato com as empresas expositores/patrocinadoras do evento. Abrir e ampliar conexões com profissionais brasileiros, sul-americanos, alemães, japoneses, russos e outros, que puderam apreciar as dependências do Centro de Eventos do Hotel Continental, que oferece uma vista do Rio Guaíba, imperdível, assim como o por do sol.

 

Lírio Schaeffer e Arno Augusto Veit Jr. (Maxiforja) + Gerhard Arfmann (CPM GmbH)

  Presidente do Senafor, o prof. Dr. Eng. Lírio Schaeffer realizou a abertura com uma homenagem a Arno Augusto Veit Jr., presidente da Maxiforja, e ao Dr. Gerhard Arfmann, da CPM GmbH (Alemanha), assíduo colaborador no evento. 

 

Em seguida, vieram os três palestrantes especiais, com falas de 30 minutos cada, iniciada pelo tema: "ROTA 2030 e os impactos na reindustrialização da cadeia produtiva do setor automotivo no Brasil", apresentada por Carlos Y. Sakuramoto, da General Motors Mercosul, unidade São Caetano do Sul, SP e professor horista do Centro Universitário FIEO.

 

 

  “EMBRAPII - Um novo modelo de apoio à inovação” foi o tema de Álvaro J. Abackerli, coordenador de acompanhamento técnico da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial – EMBRAPII, órgão ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

 

 

  

Nosso perfil de cobertura das palestras não traz algo tão diferente comparado ás edições anteriores. O desenho é o mesmo, e assim deve ser. As novidades vêm dos técnicos e dos membros de universidades que são as raízes dos avanços tecnológicos, e que utilizam este ambiente para exposição de seus estudos, sua difusão, discussão e até criando pontes para outras  etapas. Muito do que ali se expõe, tempos depois são implantados no “chão de fábrica”, inseridos nos produtos e direcionados aos usuários finais, até que um novo estudo redesenhe o rumo das coisas, afinal, “as mudanças são a única certeza”.

  A seguir, leia alguns dos muitos trabalhos apresentados e alguns dos expositores.

 “Inovação Tecnológica em Prensas de Conformação a Frio Eliminando os Sistemas Mecânicos Convencionais” foi apresentado por J. Graef da SouthWind International, braço de negócios no continente pela Nedschroef Machinery, player global de prensas multi-estágio. A Nedschroef colocou no mercado a tecnologia das linhas Nedform, de forjamento seriado com inovações que rompem com o passado, trocando o sistema servo mecânico por servo elétrico, bem como sua rápida troca de ferramentas (setup), que derruba serviços de 2 a 3 horas para 15 minutos.

 

Um exemplo de avanço esteve no tema “A lubrificação de matrizes em martelos de grande porte” por Henri Ernest Strasser, da Fuchs Lubrificantes do Brasil, que citou fornecer uma nova geração desmoldante sintético, sem grafite, solúvel em água e que funciona com sucesso. Pouco amigável ao meio ambiente, a eliminação do grafite foi elogiada por Luiz R. Manhães, da indústria de autopeças Viemar (consumidora), outro fiel frequentador do evento.

 

 

“Previsão de Fraturas Dúcteis em Simulações Computacionais da Conformação Mecânica”, estudo apresentado pelo vencedor do melhor trabalho acadêmico, no Senafor 2012, Alisson Duarte, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Segundo Duarte, co-autor, a fabricação de semiacabados e acabados por conformação mecânica é muito empregada industrialmente e envolve exigências diversas nas características dos produtos obtidos, sendo uma delas a ausência de fraturas generalizadas ou localizadas, como as “fraturas dúcteis”. Sendo assim, o estudo se deu por meio do uso da simulação computacional na conformação permite, o que permitiu uma análise da ocorrência das fraturas durante a conformação mecânica.
 
Gerard Arfmann                                                                    Oswaldo Ravanini

  Os eventos se sucedem também na eliminação de incertezas por meio dos softwares de simulação, com temas como “Distribuição da Temperatura na Superfície da Ferramenta no Início do Processo”, com o Dr. Gerard Arfmann, da CPM GmbH –Herzogenrath (Alemanha), seguido pelo “Simulação da Microestrutura Durante o Processo de Laminação  Oswaldo Ravanini  Gerard Arfmann de Anéis Utilizando o Software Forge Transvalor – Um Estudo de Caso”, por Oswaldo Ravanini, da Autolens Eng. e Consultoria, agente Transvalor Americas (EUA).

  Expositores

  Presstrade AG (Rene Stela e Peter Bierhalter)

  Empresa suíça de serviços para compra de máquinas novas e usadas,  instalações, engenharia e logística em forjamento.

  Lasco Umformtechnik GmbH (Rene Stela e Peter Bierhalter)

  Fabricante alemã de máquinas e ferramental para forjamento, com escritório de representação no Brasil.

  Enomoto (Márcio Takahashi e Yoshio Enomoto)

  Fabricante japonesa de prensas Servo Motor Driven, com agente de vendas no Brasil.

  Transvalor (Oswaldo Ravanini)

Empresa desenvolvedora do software de simulação Forge Transvalor, representado no Brasil.

  Vtech Br. (...e Rodolfo Osten)

  Representante no Brasil da GOM (Alemanha), softwares, máquinas e sistemas medição óptica por coordenadas 3D para medição e testes de componentes.

 
 

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com