Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 40
Busca::..
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Balcão
13/08/2013 02h46

 Balcão


Há 30 anos em Blumenau, surgia a Discpar Atacadão de Parafusos

 


Recentemente, no mês de abril deste ano, em visita ao estado de Santa Catarina, conhecemos o empresário Vilmar Torquato, ex-funcionário de chão de fábrica, especificamente como operador de prensas automáticas e de rosqueadeiras de parafusos. Posteriormente, ele atuou no departamento de vendas, chegando até o posto de supervisor. Com essa trajetória, podemos dizer que Torquato conhece a “alma dos parafusos”, já que muitos vendem, mas poucos conheceram o “antes e o depois da fabricação”.

Funcionário da Arber Parafusos (Blufix) até 1983,Torquato saiu para criar a SV Representações (iniciais de Sérgio, ex-sócio, e Vilmar), sendo que sua empresa ainda tem o mesmo CNPJ de origem. A mudança para o nome Discpar, segundo ele, foi uma sugestão de João Fernandes, gerente de After Market (reposição) da Cia Industrial Fibam. “Desde os nossos primeiros passos, de 1983 a 1990, entre uma nossas representações estava a Fibam, sendo que a partir de 1990 passamos a ser sua distribuidora exclusiva em toda Santa Catarina. Vendíamos tudo. A qualidade da Fibam era espetacular. Se o preço fosse um pouco acima, a qualidade dela fazia a diferença”, relatou o diretor.

Há um ano a primeira loja, de 100 m², foi substituída pela nova e atual unidade, com estacionamento de 1000 m², e galpão de 700 m², onde fomos recebidos para essa entrevista. Ali são revendidos mais de 10 mil itens dentre produtos abrasivos, ferramentas e máquinas, parafusos Allen, sextavados e fendados, porcas, arruelas, rebites, buchas plásticas e Nylon. Em suas prateleiras encontramos diversas marcas de itens de fixação da Âncora, Belenus, Brigthon-Best, Ciser, Micheletto, Multi-Fix, New-Fix, Rebitop, Rex e Walsywa.

“Hoje, contamos com vários representantes em nosso estado, além de um televendas para atender as mais diversas demandas. Nossa missão é atender ao mercado fornecendo soluções em forma de produtos e serviços, gerando satisfação para nossa clientela, distribuida em segmentos como metal-mecânico, construção civil, estruturas metálicas, eletroferragens, agronegócio, automotivo, petróleo e gás, eletrônica, ferroviário, moveleiro, varejo e atacado”, concluiu Torquato.

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com