Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 64
Busca::..
Edição 85
Edição 84
Edição 83
Edição 82
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Eventos - Dorken
06/08/2017 05h21

 Eventos 

 

Dörken Day Brazil 2017

Destacando o cenário automotivo global, evento apresentou um panorama do mercado e as novas gerações de revestimentos anticorrosivos  

 

Na última semana do primeiro semestre de 2016, a alemã Dörken MKS-Systeme GmbH & Co.KG realizou em São Paulo um encontro que vem se tornando regular, unindo profissionais de montadoras automotivas e sua cadeia de fornecimento, incluindo aplicadores e parafuseiros, bem como players do setor eólico. Entre os presentes estavam representantes de fabricantes de fixadores como Ciser, Fibam, Kamax e Metaltork, além da Nipra Tratamentos de Superfície e a Zincagem Martins, ambas aplicadoras licenciadas Dörken.

Sediado no Hotel Grand Hyatt São Paulo, na capital paulistana, as palestras do “Dörken Day Brazil 2017” foram divididas em três blocos, com abertura a cargo do CEO da anfitriã, Dr. Martin Welp (Alemanha), que expôs informações atuais e perspectivas globais sobre a produção no campo da energia eólica e sobre a automotiva, sob o título “Atual desenvolvimento do mercado e informações da Dörken MKS - The Corrosion Experts”.

 

Além disso, Welp apresentou os novos campos de atuação Dörken MKS que, além do Zinc Flake, está oferecendo soluções de zinco eletrolítico com elevada proteção anticorrosiva sem o uso de ligas (DELTA- PROZINC®), KTL para peças a granel com e sem proteção catódica (DELTA-eLACK®) e revestimento de bobinas (DELTA-COIL®). Para os revestimentos à base de flocos de zinco, ele demonstrou análises, testes e certificações para – além dos mercados de energia eólica e automobilístico – a construção civil e ferroviária. Responsável por aproximadamente 70% dos negócios da Cia, o mercado automotivo já tem contado com os revestimentos Dörken há muitos anos. Porém, eólicos tem sido outro importante mercado e com expansão promissora, haja vista a presença na Brazil Windpower 2017, feira da enregia dos ventos, no Rio de Janeiro, que acontecerá entre 29 e 31 de agosto deste ano. Segundo Welp, na energia dos ventos a empresa atua há mais de duas décadas no mercado europeu.

“Nos veículos automotores as aplicações ocorrem em pequenas áreas, mas aos milhões. Em eólicos são aplicações em superfícies maiores, mas numa demanda menor, incomparável, mas esse campo terá grandes demandas, inclusive por sua sustentabilidade”.

Em detalhes sobre os revestimentos a base de flocos de zinco, Robinson B. Lara, responsável pelas operações Dörken na América do Sul, expôs lançamentos de recentes 5 anos, oferecendo opções ao mercado quanto a melhorias na proteção anticorrosiva, na garantia na fixação e no aprimoramento de peças pretas. Sob o título “O uso correto do Delta-Protekt® KL 120 e DELTA-PROTEKT® VH 301.1GZ”, Robinson demonstrou testes e vantagens no uso deste sistema, que proporciona elevado nível anticorrosivo, com camadas menores e garantia do aperto contra diferentes superfícies. Além dos testes, também foram apresentados os cuidados com os parâmetros de processo para atender aos requisitos.

 

O terceiro bloco fechou o encontro, apresentado por David Wawrzynczok (Alemanha), gerente de projetos Dörken. A exposição de David demonstrou as atuais e as novas aprovações obtidas pela Dörken para o mercado de caminhões, tais como a Mercedes-Benz, Volvo, Scania e MAN. Entre as aprovações, vale destacar o requisito MAN 183-3/B7 que exige resistência anticorrosiva com aquecimento do componente em 400°C, através do uso do sistema Delta-Protekt® KL 120 + Delta-Heat® 300. Os convidados interagiram com questionamentos e compartilhamento acerca das tendências no mercado brasileiro e global de revestimentos anticorrosivos.

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com