Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 58
Busca::..
Edição 83
Edição 82
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Notas
29/07/2016 02h33

    Notas

 

Fernando Martins assume presidência do Sinpa  

 

O CEO da Continental Parafusos S/A é o novo presidente do Sinpa, o sindicato das indústrias de fixadores, cargo até então ocupado por Paulo Solimeo, que se desligou da Acument Brasil Sistemas de Fixação S/A.

Ex-Sinpa desde 2 de junho deste ano, a saída de Solimeo do segmento de fixadores inviabilizou sua permanência, cabendo a Martins, até então vice-presidente, assumir o cargo, tornando Leonardo Rollo, presidente da Metalac SPS Indústria e Comércio Ltda., o novo vice, sendo que a atual gestão vigora até 2019.  

 

 

Toro falha na fixação do estepe  

Picape com motor flex e diesel, tração 4x2 e 4x4, um dos recentes modelos produzidos pela Fiat do Brasil, o modelo Toro entrou em processo de recall em maio deste ano. O problema foi detectado na trava de fixação do suporte do estepe. A montadora informou que a falha se restringe aos modelos 2015/2016: 2.0 a diesel, Freedom 4x4 e Volcano 4x4. Informações: 0800-707-1000.  

  

FEY: inovação tecnológica em acabamento para grampos de mola

 

Sediada em Indaial, SC, a Fey é uma grande fabricante nacional de fixadores forjados e usinados, produtos destinados aos setores O&M, autopeças, reposição (aftermarket) e vários outros segmentos, como agrícola, trator, metalomecânico.

Recentemente a Cia lançou um produto, segundo ela, de qualidade superior. Trata-se de uma linha de grampos para suspensão, utilizados em molas de caminhões e implementos rodoviários, produto aportado pela tecnologia eletroforética (KLT), que eleva a resistência a corrosão, oferece melhor estética, maior durabilidade, sendo isento de materiais pesados e agressivos ao meio ambiente.  

 

Recall envolve substituição de porcas em Audi  

 

Problema na barra de direção do Sedan A3, da Audi, 2016, deu início à convocação iniciada em 18 de maio último. O problema foi detectado nos terminais que foram, possivelmente, fixados com porcas inadequadas nesta aplicação, gerando, assim, riscos de perda do comando da roda e controle da direção do veículo por parte do condutor, impondo riscos de acidentes.

 

 

  Nanotec Ciser: solução única em revestimentos nanocerâmicos

Resistência à corrosão, abrasão e controle de coeficiente de atrito são assuntos de extrema relevância em projetos e definições de produtos para os mais diversos segmentos do mercado. Maior fabricante de fixadores da América Latina, a Ciser Parafusos e Porcas desenvolveu a linha Nanotec, compota de produtos com revestimento superficial de alto desempenho, formado por um filme cerâmico com partículas nanocerâmicas, uma tecnologia que possibilita alcançar níveis de resistência à corrosão 20 vezes superior se comparado a itens semelhantes. Trata-se de uma solução que conta com um selante que prioriza o controle preciso do coeficiente de atrito em processos industriais, assim como estética superior. Por suas características químicas, o material revestido alcança excelente desempenho em ensaios de corrosão, prolongando a vida útil do metal mesmo em ambientes agressivos. Além disso, a linha Nanotec é isenta de cromo e outros metais pesados, não gerando resíduos e agentes que sejam agressivos ao meio ambiente. Sua disponibilização no mercado se encontra em diversas composições, com peças revestidas em zinco, níquel ou ferro e organometálicos, peças de alumínio anodizados e metais e ligas como alumínio, latão, cobre e outros.  

Ciser Parafusos e Porcas
 
 

Ivan Reszecki assume controle total sobre a Metaltork  

Em recente nota foi divulgado que desde o último 25 de maio 50% das quotas sociais das sociedades empresárias Metaltork Indústria e Comércio de Auto Peças e All Fasteners Indústria e Comércio de Peças, bem como mais 25% das quotas sociais da General Fix Indústria foram adquiridas pela Black Stone Empreendimentos e Participações Eireli, representada por seu presidente, Ivan Reszecki, cujas aquisições permitiram assumir o controle majoritário das referidas sociedades.

Destaque da aquisição, a Metaltork é uma das mais importantes fabricantes de fixadores no Brasil. Na sede em Diadema, na grande SP, são forjados itens com diâmetros M6 a M30 (a frio) e M6 a M52 (a quente), entre eles parafusos, pinos, buchas, eixos, terminais e barras de direção, pinos esféricos e outros.

“A reorganização societária alicerça o programa estratégico de ajuste para competitividade no novo cenário nacional e internacional, onde necessariamente as empresas se tornarão ainda mais dinâmicas e competitivas para a esperada retomada do crescimento econômico brasileiro. Meus projetos visam também a expansão dos negócios exterior por todas as empresas do Grupo do Tork”, declarou Reszecki, aproveitando o texto para agradecer aos sócios retirantes, especialmente Paulo Roberto F. Costa, pela sua colaboração em décadas de trabalho e aferir a ele o mais alto respeito e afeto. Finalizando com mensagem de gratidão pela confi ança depositada por suas sócias remanescentes no Grupo, Maria Helena Reszecki e Valeria Reszecki Rigato, respectivamente mãe e irmã.          

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com