Empresa Edições on-line Fale Conosco
Ediçao 22
Busca::..
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Case
30/08/2010 08h58

Um novo player no mercado

Em março de 2010, nasceu a Metalbrax, uma fábrica de elementos de fixação que chegou com todo o know-how necessário para atender bem e sempre

 
Um sonho que começou há quatro anos... E em março de 2010, inaugurou-se a Metalbrax: a mais nova fábrica de parafusos do Brasil. Instalada na cidade de Guarulhos, SP, a empresa é dirigida por Pedro Reinaldo Alves Brito e Marcos Fernandes. Desde o início, o objetivo foi montar uma indústria especializada, e para tanto, precisava-se de profissionais a altura. Para isso, formou-se um quadro de colaboradores de alto gabarito, com pessoas de larga experiência no ramo de fixação, desde a área operacional a administrativa. “Nosso objetivo não é ser a maior fabricante de parafusos forjados a quente do País, mas sim, a melhor. Para isso, já demos entrada na certificação ISO 9001:2008, que deve sair entre os meses de setembro e outubro deste ano, sendo que investimos fortemente em gestão”, contou Fernandes (ao lado). A Metalbrax produz a maioria das classes de resistência e ligas, tais como 4.6, 5.8, 8.8, 10.9, 12.9, Gr.2, Gr.5, Gr.8, Gr.10, A2 e A4. Trabalha com os seguintes materiais: Aço SAE1010, 1020, A36, 1038, 1045, 4140, 4340, 5135, 5140, 8620, 8640, inox 303, 304, 310, 316, 316L, 321, 410, 420, Inconel, Inconel 625 e Aço Duplex. Fabrica fixadores com ½” ou M12 de bitola até 100” ou 2.540 mm de comprimento, até 3” ou M80 de diâmetro por 78” ou 2000 mm de comprimento. Atua nos mercados agrícola, automotivo, caldeiraria, construção, eletrificação, estrutura metálica, ferroviário, mineração, naval, petroquímico, saneamento e siderurgia.
 Em três meses de atuação, a empresa já possuía 26 funcionários e capacidade de produção para 75 toneladas ao mês. “Trabalhamos para instalar uma capacidade de 150 toneladas por mês, a partir de 2011. As perspectivas são as melhores, haja vista a expectativa de investimentos em diversos segmentos de mercado”, declarou Fernandes. Para isso, a Metalbrax conta com um parque fabril com 40 máquinas, sendo algumas delas: prensas de até 200 toneladas Jundiaí, aquecedores Jamo de até 100KVA, tornos CNC 250 Nardini de última geração ano 2010, entre outros equipamentos necessários para a produção de fixadores. Internamente, a indústria realiza forjaria, usinagem, extrusão e laminação; e em aproximadamente um ano, passará a fazer tratamento superficial e térmico (previsão para segundo semestre de 2011). “Está em andamento a estrutura que receberá a área de galvanoplastia dentro da Metalbrax que, inclusive, já tem a licença para realizar este serviço”, contou Fernandes.
               
Além disso, será implantando um laboratório completo, com máquinas de tração e demais equipamentos exigidos pelo mercado. Hoje, a Metalbrax realiza os testes no Grupo Labmati, unidade Guarulhos. A partir de dezembro de 2010, a fábrica começará a operar em dois turnos, e até 2011, toda a área de 2.100 m2 estará completamente ativa. “A meta é ter 70 máquinas e 45 funcionários”, disse o diretor. “Para este ano, buscaremos um crescimento de 100%, e para 2011, mais 100%. Estamos partindo do zero, então este desenvolvimento é natural, e um tanto subjetivo. Seguimos a todo vapor, com fortes investimentos e disposição de crescer”, reiterou o diretor.
 
Futuro promissor
Fernandes declarou que a Metalbrax chegou ao mercado de forma transparente, onde as premissas são o bom atendimento, o respeito com os funcionários, clientes, fornecedores e ao meio ambiente, além de não abrir mão da qualidade e da oferta de produtos diferenciados. “Preocupamos-nos bastante com a integração, preparação, treinamento e condições de nossos colaboradores, e por isso, temos uma política de pessoal diferenciada. Nossa visão é bastante focada no grupo interno, com uma verba direcionada para incentivar os estudos dos colaboradores (desde que o curso tenha relação com a atividade da firma), entre outros”, afirmou ele, que também está atento a qualidade de produtos, com o objetivo de sempre exceder as expectativas dos clientes, focando em uma pratica comercial justa, que atenda o mercado de forma positiva.
Como qualquer empresário, Fernandes tem grandes planos para a Metalbrax, e deseja colocá-la em um lugar onde seja referência nos seguintes quesitos: de produtos de fixação especiais e pesados, melhor empresa para se trabalhar, em desempenho e retorno sobre investimentos, e melhor fornecedor de fixadores para diversos segmentos.“Agradecemos a confiança de todos os nossos amigos, clientes, fornecedores, funcionários, familiares, pois ninguém alcança o sucesso sozinho e nem tampouco por acaso”, encerrou Fernandes.

 

 

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com