Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 03
Busca::..
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Qualidade: Linha Renovada
30/04/2007 10h24

Manzato adquire novos equipamentos para modernizar seu parque fabril e ampliar sua produção. Alterações incluem laminadoras de rosca, prensas de conformação e linhas para tratamento térmico e para pintura organometálica

Em um mercado altamente competitivo, a busca pela qualidade é constante. Para isso, empresas adotam como filosofia a melhoria contínua, seja técnica, produtiva ou profissional. Seguindo este perfil, a Metalúrgica Manzato -especializada em parafusos autoperfurantes- localizada em Caxias do Sul (RS), modernizou recentemente sua linha produção. De acordo com Marcelo Manzato, diretor da empresa, a fábrica acaba de instalar novas laminadoras de rosca e prensas de conformação a frio de transfer, além de uma linha de tratamento térmico e outra para pintura organometálica. “Substituímos as laminadoras de roscas por equipamentos novos com capacidade de 3,0 mm a 12 mm. Com relação às prensas de conformação a frio, adquirimos máquinas com transfer de quatro a seis matrizes. O principal objetivo destas mudanças foi a modernização do parque fabril. Assim, estamos aptos a enfrentar os novos desafios do mercado.” Outra alteração na Manzato foi a implantação de uma linha completa de tratamento térmico -forno, lavadora e revenimento-, com uma esteira capaz de suportar 350 kg/hora de carbonitretação e 500 kg/ hora de tempera. A nova linha de pintura organometálica é automática e tem capacidade para 250 toneladas/mês. “Com estas mudanças, além da melhoria de nossas linhas atuais (parafusos autoperfurantes e fixadores especias para coberturas), estamos desenvolvendo peças especiais conformadas a frio, as quais eram usinadas em tornos”, complementa Marcelo.
Início
A Metalúrgica Manzato iniciou suas atividades em junho de 1970, com o nome de Mecânica Industrial Manzato, para fabricar e comercializar autopeças e fixadores para coberturas. Com o crescimento da empresa, em 1982 começou a produzir parafusos com roscas UNC, UNF, whitwort, métrica, auto-atarraxante e especiais. Após testes realizados em conjunto com potenciais clientes e laboratórios especializados, os produtos foram introduzidos no mercado em 1984. Até então, os parafusos autoperfurantes eram importados de vários países. Na ocasião, a Manzato investiu em novas máquinas para atender às necessidades de seus compradores. Atualmente, a empresa fabrica parafusos autoperfurantes e sistemas de fixação, dentro dos padrões da certificação ISSO 9001-2000. Além da linha de produção, faz parte do processo de melhoria contínua da Manzato o aperfeiçoamento técnico de seus profissionais.

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com