Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 88
Busca::..
Edição 88
Edição 87
Edição 86
Edição 85
Edição 84
Edição 83
Edição 82
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Itália News
16/07/2021 03h58

Itália News

A Sergio Pirovano

“A esperança é a última que morre” é um ditado popular que revela o estado de espírito de pessoas diante das adversidades. Assim, todos nós, admiradores e amigos, ainda esperávamos por uma reversão da doença. Mas, em 30 de janeiro de 2021 Sergio Pirovano, presidente da UPIVEB (associação italiana do setor de fixadores), nos deixou, causando uma sensação de vazio e infinita tristeza. (Foto - Sergio Pirovano)

Agora, tudo o que nos resta é desespero e arrependimento.

Sergio lutou contra a doença com incrível coragem e fé, mostrando-se um leão. Mesmo nos momentos mais difíceis revelou o melhor de si: sua verdadeira personalidade e grande profundidade.

Nem sempre tinha posicionamentos fáceis, era complicado. Mas o melhor em sua personalidade sempre ficou evidente, como sua inquestionável lealdade, grande sensibilidade, envolvimento com as questões sociais e, acima de tudo, generoso.

Era alguém que amava profundamente o seu trabalho, se empenhou muito em promover o segmento de fixadores e, em particular, ressaltar a qualidade da Itália no universo industrial. Foi incansável na manutenção de contatos, promovendo encontros e estimulando debates, tudo voltado para o progresso no campo técnico e econômico da fixação. Como membro do conselho do EIFI (associação europeia das indústrias de fixadores) ele participou ativamente de encontros e demais atividades da entidade.

Na presidência da UPIVEB promoveu e implementou inúmeras iniciativas, portanto, fica impossível listar todas. Dentre elas, vale lembrar a celebração do 50º aniversário da UPIVEB, em 10 de Junho de 2011, na lendária Villa d'Este de Cernobbio, evento histórico sob sua orientação especializada. Tal celebração consistiu em uma rica programação cultural e de entretenimento, valendo destacar a realização da conferência que contou com a presença de ilustres palestrantes do universo industrial, financeiro e político.

Outra de suas iniciativas foi a organização do Meetaly, a primeira conferência internacional sobre o setor de fixação, realizado Milão, Itália, durante a Expo, em setembro de 2015, evento que contou com cerca de 500 delegados de diversas partes do mundo. Foi um grande sucesso, que justificadamente recompensou o empenho e a capacidade de organização de Pirovano.

Talvez, a maior conquista desse grande homem foi superar dificuldades e demonstrar grande habilidade diplomática, conseguindo alterar o estatuto da UPIVEB, o que permitiu a inclusão de empresas fornecedoras como associadas, tal como fabricantes de máquinas, ferramentas e tecnologia para produção de fixadores, siderúrgicas, empresas de trefilação, de tratamento térmico, de superfície e outros.

Sergio Pirovano foi um grande presidente, que certamente fará falta para muitos amigos e admiradores da Itália e de todo o mundo.

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com