Empresa Edições on-line Fale Conosco
Edição 80
Busca::..
Edição 83
Edição 82
Edição 81
Edição 80
Edição 79
Edição 78
Edição 77
Edição 76
Edição 75
Edição 74
Edição 73
Edição 72
Edição 71
Edição 70
Edição 69
Edição 68
Edição 67
Edição 66
Edição 65
Edição 64
Edição 63
Edição 62
Edição 61
Edição 60
Edição 59
Edição 58
Edição 57
Edição 56
Edição 55
Edição 54
Edição 53
Edição 52
Edição 51
Edição 50
Edição 49
Edição 48
Edição 47
Edição 46
Edição 45
Edição 44
Edição 43
Edição 42
Edição 41
Edição 40
Edição 39
Edição 38
Edição 37
Edição 36
Edição 35
Edição 34
Edição 33
Edição 32
Edição 31
Edição 30
Edição 29
Edição 28
Edição 27
Edição 26
Edição 25
Edição 24
Edição 23
Ediçao 22
Edição 21
Edição 20
Edição 19
Edição 18
Edição 17
Edição 16
Edição 15
Edição 14
Edição 13
Edição 12
Edição 11
Edição 10
Edição 09
Edição 08
Edição 07
Edição 06
Edição 05
Edição 04
Edição 03
Edição 02
Edição 01
empresa
contato
Eurásia News
07/05/2020 10h22

Eurásia News

O crescente mercado de fixadores turco

Turquia é a 11ª maior economia em termos de PIB per capita entre países com população acima de 50 milhões de habitantes. As ações de desenvolvimento na indústria de fixadores local, alinhada com com a industrialização turca, aceleraram nos últimos anos. Com os investimentos realizados na indústria de fixadores em qualidade e tecnologia nos últimos anos, a Turquia alcançou uma posição muito competitiva na produção de produtos parafusos e similares especiais e standard. Para confirmar essa expansão, apresentamos os números de produção e exportação, que têm se elevado rapidamente.

Turquia revela prototipo do seu carro nacional

 Trata-se de um carro elétrico, com lançamento estimado para 2022, um investimento de US$ 3,6 bilhões

Recep Tayyip Erdoğan, presidente da Turquia, apresentou e guiou o protótipo do utilitário esportivo (SUV) a ser produzido em seu país. Além do SUV, foi lançado também um sedan, ambos totalmente elétricos. A produção em massa do SUV começará em 2022, enquanto o sedan deverá ser lançado logo depois.

"Vivemos hoje este sonho de 60 anos da Turquia", disse Erdoğan em seu discurso na cerimônia de inauguração no Information Technologies Valley - IT Valley (o vale da tecnologia da informação turco). “A Turquia está passos à frente ao entrar no setor de automóveis elétricos antes dos demais. Não estamos fabricando carros apenas para nossas necessidades. Estamos ansiosos para estabelecer uma marca global”, observou o presidente, que reforçou ser a Turquia não apenas um mercado para novas tecnologias, mas um país que desenvolve, produz e exporta para todo o mundo.

"Não precisamos comprar licença ou permissão de ninguém; determinamos todos os recursos técnicos", acrescentou, destacando o papel de 100 engenheiros turcos que trabalharam no projeto. As cores dos dois modelos apresentados eram vermelho e branco, as cores da bandeira turca.

O SUV totalmente terá duas configurações de motor: 200 e 400 cv (cavalos), anunciou Gürcan Karakaş, CEO da Turkey’s Automobile Joint Venture Group (TOGG), durante a apresentação. Estima-se que esses carros terão autonomia de até 500 quilômetros, e suas baterias de íons de lítio, produzida localmente, alcançarão 80% de carga em 30 minutos. O presidente, que já encomendou um carro, enfatizou que esses automóveis "não poluirão o meio ambiente, graças à sua tecnologia de emissão zero".

Erdoğan disse que cerca de ¼ de um terreno de 4 milhões de m² no distrito de Gemlik, na cidade de Bursa, pertencente às Forças Armadas da Turquia, serão alocados para a planta de produção, que estará concluída em 2021, como os primeiros carros saindo pelas ruas em 2022.

Esse projeto demandará um investimento fixo de US$ 3,6 bilhões ao longo de 13 anos e permitirá a produção de cinco modelos e uma produção total de 175.000 veículos por ano. 

A Turquia já é um grande exportador para a Europa de carros fabricados internamente por empresas como Ford, Fiat Chrysler, Renault, Toyota e Hyundai, mas os carros são fabricados por empresas globais de automóveis, geralmente em joint ventures com parceiros locais.

COMPARTILHE
CONTEÚDO DA EDIÇÃO

TAGS:
revistadoparafuso@revistadoparafuso.com